DUVIDAS

O que é o Mercado Livre?
O mercado livre é um ambiente competitivo de negociação de energia elétrica onde os participantes podem negociar livremente todas as condições comerciais, como fornecedor, preço, quantidade contratada, período de suprimento, condições de pagamento, entre outras condições.

Quem pode ser Consumidor Livre?
O consumidor que tem Demanda Contratada maior ou igual a 500KW pode exercer a opção de migrar para o mercado livre de energia.

O que é o Mercado Livre?
O mercado livre é um ambiente competitivo de negociação de energia elétrica onde os participantes podem negociar livremente todas as condições comerciais, como fornecedor, preço, quantidade contratada, período de suprimento, condições de pagamento, entre outras condições.

Quem pode ser Consumidor Livre?
O consumidor que tem Demanda Contratada maior ou igual a 500KW pode exercer a opção de migrar para o mercado livre de energia.

Qual a Vantagem de comprar energia no Mercado Livre?
No mercado Cativo a energia tem preço fixado por Tarifas, sem margem de negociação. No mercado livre, o seu preço, quantidade, prazos de entrega, garantias e reajustes, podem ser livremente negociados entre Gerador e Consumidor.

Como Funciona?
Após exercer a opção de migração, é feita uma adaptação no sistema de medição e o consumidor pode buscar energia negociada diretamente nos geradores, pelos prazos e quantidades, conforme suas necessidades.

De quem posso comprar a energia?
Diretamente dos diversos (mais de 300) pequenos geradores existentes. O que se compra é um direito de usar X energia que está no fio.

Pode faltar energia se não comprar da distribuidora?
Não. A energia segue sendo entregue fisicamente pela distribuidora concessionária. A energia entregue não necessariamente é daquele gerador específico (é impossível de identificar a fonte real). Assim, sempre haverá energia disponível.

Que garantia o Consumidor Livre possui em relação ao fornecimento da Energia Contratada?
A garantia de contratação é obtida pelo consumidor após o registro do contrato no SINERCON, sistema da CCEE onde todos os contratos de energia são registrados. Já o fornecimento físico é de responsabilidade da distribuidora local e regulado pelo contrato de uso da rede de distribuição (CUSD) e regulado pela ANEEL, que determina o cumprimento dos mesmos parâmetros de qualidade no Ambiente de Contratação Livre e Regulado.

A distribuidora não ganhará nada?
Ela segue podendo cobrar uma fração de tarifa para tal controle e entrega. Chama-se TUSD (tarifa de uso do sistema de distribuição). O consumo (energia) sim, é que é pago diretamente ao vendedor do contrato de energia (gerador).

Para quem pago a conta?
A Distribuidora cobra a tarifa TUSD, sobre a demanda e o consumo de energia. O vendedor de energia (gerador) emite mensalmente uma nota fiscal de energia, de forma independente, cobrando o referente a quantidade comprada de sua geração, independentemente do consumo havido, conforme o contrato vigente entre as partes. São pagamentos independentes.

Existe risco de abastecimento no Ambiente Livre?
Os riscos de abastecimento são os mesmos para o Ambiente Livre e o Ambiente Cativo, pois as diferenças ocorrem no âmbito contratual, não havendo diferença física ente os dois ambientes.

Posso sofrer retaliações da Concessionária?
Não. Por determinação legal ela segue sendo obrigada a prestar toda a entrega física da energia e a manutenção nos mesmos moldes, pois a legislação a mantém obrigada, sem distinção entre consumidores livres ou cativos.

Pode Faltar energia no mercado se todo mundo migrar?
Não. A energia é gerada e colocada no sistema independente de ser consumida ou não. O que se compra é um direito a usar o que já está no sistema. Se todo mundo migrasse a Distribuidora que só pode vender ao mercado Cativo, não compraria mais energia para revender e esta energia iria ser comercializada no mercado livre, mantendo o equilíbrio dos dois mercados.

Como funciona nos EUA e na Europa?
Lá o mercado já é bem mais desenvolvido, tendo sido o nosso sistema copiado em parte do deles. Existem mecanismos de grande liquidez e muitas opções de contratos de hedge negociados em várias bolsas de energia.

O que é Mercado Livre de Fontes Renováveis?
É o mercado para consumidores, atendidos por fontes alternativas de geração ( Eólica, Biomassa, PCH) em qualquer tensão, em cuja unidade consumidora a demanda contratada totalize, em qualquer segmento horosazonal, no mínimo 500 kW. Para os consumidores que optarem por esse mercado, fica estipulado o percentual de redução de 50% (cinqüenta por cento), a ser aplicado às tarifas de uso dos sistemas elétricos de transmissão e de distribuição.

*No caso de racionamento o consumidor livre tem algum privilegio uma vez ter adquirido a energia antecipadamente?
A energia elétrica tem carácter social e não privilegia ninguém.
Em caso de racionamento todos os consumidores devem ter as mesmas restrições.

*No caso de falta de energia quem atende o consumidor livre?
A concessionária local que, por determinação legal, segue sendo obrigada a prestar toda a entrega física da energia e a manutenção nos mesmos moldes sem distinção entre consumidores livres ou cativos.

*Se houver necessidade de acréscimo da demanda contratada haverá também necessidade de renegociar o contrato de energia?

*Se o consumidor livre comprar menos energia do que precisou em um determinado ciclo de faturamento, o que ocorrerá?

*Se o consumidor livre comprar mais energia do que precisou em um determinado ciclo de faturamento, o que ocorrerá?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *